domingo, 18 de julho de 2010

Velhas fronteiras...


Durante a visita a uma quinta de um amigo, numas ruinas, deparei com estas duas velhas fronteiras entre o dentro e o fora, entre frio e o quente, entre o desamparo e o aconchego.

Nenhum comentário:

Postar um comentário